Como reativar a sua marca pessoal após o desemprego

Reativar a sua marca pessoal pode facilitar o regresso ao mercado de trabalho após um período de desemprego.

Porém, pensar em ocupar uma nova posição numa nova empresa, rodeado de pessoas que não conhece e mostrar-se à altura do desafio faz com que possam surgir alguns receios que podem ser facilmente ultrapassados desde que se sinta confortável consigo próprio.

Para isso, é fundamental que invista na sua marca pessoal como forma de mostrar o seu “melhor eu” perante o novo desafio.

7 dicas para reativar a sua marca pessoal

Receios à parte, encare esta etapa como uma oportunidade para se reinventar, estabelecer prioridades, encontrar novas oportunidades ou até mesmo para mudar de carreira.  Se não sabe por onde começar para reativar a sua marca pessoal, atente a estas dicas.

1. Faça um refresh a tudo

Desde o currículo, à carta de apresentação, ao perfil de LinkedIn e portfólio online, a forma como se apresenta diz muito acerca da sua marca pessoal.

A experiência e background são fatores importantes, mas a forma como mostra esses dados e conta essa “história” aos empregadores faz toda a diferença!

2. Tenha cuidado com o que publica nas redes sociais

Os recrutadores mais exigentes não atentam apenas aos materiais da candidatura enquanto avaliam os candidatos. Irão, igualmente, procurar vestígios da sua presença digital para compreender melhor o seu perfil.

Por isso, se deseja proteger a sua privacidade tem duas hipóteses: ou mantém um perfil neutro ou ajusta as definições de quem pode ver o que publica, já que todos devemos ser primeiramente avaliados pelas nossas habilidades e experiência, ao invés das opiniões sobre determinados assuntos. No entanto, certifique-se de que usa uma foto de perfil que não o comprometa.

3. Considere consultar um profissional

Se está num período de desemprego, sente-se inseguro do rumo que deve tomar ou não sabe como impulsionar a sua marca pessoal, pondere pedir ajuda a um profissional.

No fundo, um coach ou consultor que ajude a identificar os seus pontos mais atraentes e a melhor forma de comunicá-los pode ser uma mais-valia para conseguir reativar a sua marca pessoal.

4. Invista no seu desenvolvimento profissional

O mercado de trabalho é cada vez mais exigente. A par disso, os empregadores procuram profissionais que mostrem conforto e não resistência às novas tecnologias.

Como tal, investir no seu desenvolvimento profissional e atualizar conhecimentos é sempre uma excelente escolha! Invista em ações de formação, certificações, workshops e participe em eventos da sua área laboral. O importante é que faça alguma coisa em benefício da sua carreira.

5. Inspire-se noutras pessoas

Se tem dificuldade em visualizar como deverá ser a sua marca pessoal, invista algum tempo na pesquisa online de outros profissionais (através das redes sociais, por exemplo) e analise a forma como estes se apresentam e passam as mensagens pretendidas.

Questões como: o que escrevem, o que leem e que eventos frequentam poderão ajudar a saber o que fazer.

6. Seja mais confiante

O desemprego pode abalar a confiança de qualquer profissional e fazê-lo questionar sobre as suas capacidades e talento, porém esta mentalidade deve ser totalmente colocada de parte quando se fala em reativar a sua marca pessoal para regressar ao mercado de trabalho.

É normal que fique nervoso quando pensa em ir a uma entrevista de emprego. Como tal, para esses momentos, deixamos alguns conselhos muito simples que poderão fazer toda a diferença: mantenha uma postura reta, não incline a cabeça, olhe o empregador nos olhos, sorria, vista-se de forma adequada e mostre-se alerta, confiante e confortável.

7. Não desista

Ninguém gosta de ser rejeitado, mas tenha consciência de que até conseguir um “sim” poderá ouvir muitos “nãos”.

O importante é que nunca duvide de si próprio e mantenha sempre um nível de otimismo equilibrado durante todo o processo.

A formação na reativação da marca pessoal

Para se poder destacar no mercado de trabalho, entre tantos outros candidatos de perfil semelhante, pense no que poderá fazer a diferença.

Não há dúvidas: a evolução tecnológica chegou a todo o lado e nas empresas não é diferente. Sabia que mais de 40 mil empresas em todo o mundo recorrem às soluções de gestão da PRIMAVERA para otimizarem a gestão do seu negócio?

Por isso, se procura emprego na área de Vendas, Compras e Inventário, Contabilidade e Fiscalidade, Tesouraria ou Recursos Humanos, então a Certificação de Utilizadores em PRIMAVERA é a oportunidade ideal para si, garantindo-lhe o reconhecimento imediato de competências e experiência na área.

Além disso, terá ainda entrada direta na Bolsa de Utilizadores Certificados em PRIMAVERA acessível às mais de 40 mil empresas que utilizam o ERP PRIMAVERA e procuram profissionais capazes de responder às suas necessidades de forma rápida e eficaz.

Assim, ao ter um acesso privilegiado a possíveis oportunidades de emprego, terá também maiores probabilidades de encontrar o emprego certo para si.

Certifique-se e dê passos firmes na sua carreira profissional!

 

Este artigo foi útil?
NãoSim (votos +4, votaram 2, o seu voto ficou registado)
Loading...

Deixar uma resposta