O que é a reconciliação bancária?

A Reconciliação Bancária é, nada mais nada menos, que um processo que faz parte do dia a dia de qualquer gestor financeiro. E, independentemente da área de atuação, esta é uma tarefa imprescindível para qualquer negócio.

Se trabalha ou procura emprego na área de tesouraria, neste artigo explicamos-lhe tudo o que precisa de saber sobre a Reconciliação Bancária.

Reconciliação Bancária: o que é?

A Reconciliação Bancária é o procedimento de controlo interno que visa assegurar que as transações financeiras da empresa são registadas de forma correta na sua contabilidade.

E quando falamos de transações financeiras, falamos claro em recebimentos, pagamentos, transferências e investimentos efetuados durante a atividade empresarial.

Dada a sua importância para o controlo financeiro, o processo de Reconciliação Bancária deve ser efetuado periodicamente (semanal ou mensalmente) como forma de detetar possíveis desperdícios ou prejuízos que possam comprometer a saúde financeira da empresa.

Pois como se sabe, na maioria das vezes os saldos bancários demonstrados pela contabilidade não correspondem à realidade financeira das empresas num determinado momento.

A Reconciliação Bancária em 4 passos

Não há dúvidas: a Reconciliação Bancária é determinante para a tomada de decisão, uma vez que apresenta a realidade financeira das empresas.

Assim, como forma de garantir uma gestão financeira eficaz, o processo de Reconciliação Bancária deve seguir 4 passos básicos:

  • Controlar as movimentações financeiras (entradas e saídas) diariamente;
  • Verificar o saldo bancário através de extratos bancários;
  • Confirmar se existem erros nas datas ou nos valores dos movimentos financeiros efetuados;
  • Caso existam erros, procurar perceber os motivos e, de seguida, aplicar as devidas correções.

Apesar de este ser um processo longo, ainda há empresas que recorrem ao Excel para efetuar todo este controlo. No entanto, há forma de o fazer de maneira mais rápida e intuitiva. Como? Através de softwares de gestão que permitem automatizar tarefas que de outra forma seriam feitas manualmente.

Sabia que mais de 40 mil empresas, em cerca de 20 países, recorrem às soluções de gestão da PRIMAVERA para otimizarem a gestão do seu negócio?

A par disso, após uma análise feita às ofertas de emprego ao longo de 2016, a empresa PRIMAVERA BSS concluiu que só em Portugal surgem em média 53 ofertas de emprego por semana em que um dos requisitos básicos é o conhecimento em software PRIMAVERA.

Assim, tendo em conta a procura crescente por profissionais com conhecimentos em PRIMAVERA, surgiu a PRIMAVERA Academy que disponibiliza um programa de Certificações de Utilizadores pensado especialmente para estudantes e profissionais no ativo ou à procura de emprego.

A importância de adquirir novos conhecimentos

A par da evolução tecnológica que se sente nas empresas, cresce a necessidade de os profissionais investirem na aquisição e exploração de novos conhecimentos.

E é por isso que investir na Certificação de Utilizadores em PRIMAVERA é uma vantagem competitiva no seu percurso profissional, garantindo-lhe o reconhecimento de competências e experiência na área.

Além disso, profissionais certificados têm em média salários 15% mais altos! Saiba mais e dê o próximo passo na sua carreira.

 

 

Este artigo foi útil?
NãoSim (Sem avaliações)
Loading...

Deixar uma resposta